fbpx
pressão arterial

Quem é o médico que cuida da pressão arterial?

Quem é o médico que cuida da pressão arterial?

O cuidado com a saúde deve ser a prioridade de todos nós, independente da idade. Cada órgão e parte do corpo, bem como sintoma ou doença, deve ser investigada e tratada diretamente com o especialista, pois este profissional dedicou anos da sua vida para saber como cuidar especificamente de sua área de concentração. Pensando nisso, algo que deve ser sempre cuidado é a pressão arterial.

A pressão arterial tem uma faixa que deve obedecer para estar saudável, nem alta e nem baixa. Entretanto, nem todas as pessoas sabem qual é o especialista que cuida da pressão arterial e têm sintomas sugestivos de que algo possa estar alterado. 

Quem é o médico que cuida da pressão arterial e como é feito o tratamento?

Saiba qual é o médico que cuida da pressão arterial.
Saiba qual é o médico que cuida da pressão arterial. | Imagem: Freepik

O médico especialista que cuida da pressão arterial é o cardiologista. Este profissional da saúde pode iniciar a investigação a partir dos sintomas e chegar ao diagnóstico, ou caso já seja diagnosticado, prosseguir com o tratamento.

Podendo solicitar exames de urina, sangue, ECG (eletrocardiograma), ultrassom renal e outros, está intimamente ligado aos cuidados da pressão arterial, bem como receitar os medicamentos e diretrizes terapêuticas mais indicadas para o seu caso.

Quais são as alterações da pressão arterial e os sintomas?

As alterações mais comuns e conhecidas da pressão arterial são a hipotensão e a hipertensão, que merecem cuidados especiais e intensivos, pois podem ser graves de acordo com a adesão do tratamento por parte do paciente.

A hipertensão, que é a pressão alta, se caracteriza pela pressão arterial acima de 140 x 90 mmHg, que para chegar ao diagnóstico, as medições precisam ser feitas em dias diferentes, seguindo o critério do especialista. O aumento da pressão pode acontecer quando os vasos sanguíneos ficam estreitos, perdendo a elasticidade, fazendo com que o coração faça mais força do que o normal para bombear o sangue para todo o corpo. É considerada uma doença silenciosa, mas pode acabar causando uma série de sintomas, como:

  • Cansaço
  • Tontura
  • Enjoos
  • Calor excessivo
  • Suor
  • Palpitação
  • Visão embaçada
  • Dor no peito e dificuldade para respirar

Há também a hipotensão, que é a pressão baixa, quando está abaixo de 9 por 6. Ao contrário do que muitos pensam, a pressão baixa também é perigosa, assim como a hipertensão. Quando o coração não tem a força necessária para bombear sangue e chegar a todo corpo, muitos sintomas podem ser sentidos, como: dormência em extremidades, suor frio, enjoos, sede excessiva, taquicardia. Entretanto, tanto a hipotensão como a hipertensão são doenças silenciosas, logo, um check up anual poderá detectar qualquer uma das duas mesmo que a pessoa não tenha sintomas prévios.

Como confirmar o diagnóstico de problemas com a pressão arterial?

O cardiologista irá pedir diversos exames e deixar todos os sintomas listados em seu prontuário, e após chegarem os resultados, poderá ser confirmado o diagnóstico. Além dos exames tradicionais que falamos acima, pode também ser feito o MAPA, que é um aparelho que mede a pressão arterial durante 24 horas direto na casa do paciente, em momentos distintos.

Com todas as informações passadas sobre a pressão arterial, qual é o médico que cuida, sua especialidade e características das doenças mais comuns, poderá colocar tudo em prática. Só não esqueça de manter as consultas em dia, as medicações também e os cuidados com a saúde, para poder obter resultados satisfatórios!

E se porventura você estiver procurando um bom profissional para te atender, não tenha dúvidas que através do app Sarar você encontra diversas opções com muita facilidade, segurança, e o melhor: economia! Acesse www.sarar.com.br e saiba mais.

Para mais dicas e informações de saúde, te esperamos por aqui em nossos próximos posts. Até breve!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *