fbpx
quando marcar consulta com ortopedista

Consulta com ortopedista: 4 sinais de que você precisa agendar uma

Consulta com ortopedista: 4 sinais de que você precisa agendar uma

Sabemos que infelizmente agendar uma consulta com ortopedista não é um hábito muito comum da rotina das pessoas. Isso faz com que a grande maioria delas só marquem um horário com esse profissional caso os sintomas piorem, o que prejudica para o diagnóstico precoce.

No entanto, ainda que o ideal fosse criar o hábito de se consultar com um ortopedista esporadicamente para que o profissional pudesse checar a sua saúde, já vamos adiantar que em caso do aparecimento de sintomas é essencial que você procure um profissional quanto antes para avaliação do seu caso.

Pensando nisso, separamos aqui 4 sinais que demonstram a necessidade de marcação da consulta com ortopedista. Veja aqui quais são!

4 sinais que indicam que você deve agendar uma consulta com ortopedista

consulta com ortopedista
Saiba quando marcar uma consulta com ortopedista. | Imagem: Freepik

Na lista abaixo você vai ficar ciente quais são os 4 principais sintomas que justificam a marcação da consulta com ortopedista. Confira:

1 – Dores nas costas

É quase impossível algum adulto nunca ter sofrido com um quadro de dor nas costas na vida. E, apesar dos sintomas desaparecerem com poucos dias, há algumas condições de saúde que fazem com que este sintoma persista por mais tempo, sendo necessária a intervenção médica.

Em sua grande maioria das vezes, as dores nas costas são ocasionadas por lesões musculares, devido a uma má postura ao sentar, levantar ou até mesmo na hora de dormir. Ela pode ainda ser causada por mau jeito ou excesso de peso.

No entanto, somente o profissional poderá avaliar para indicar se será necessário algum tratamento antes que um problema mais grave se instale ali. Então caso você sinta dores nas costas, não hesite e marque já uma consulta com ortopedista para você.

2 – Doenças crônicas

Se porventura você possui diagnóstico de alguma doença crônica, ou há histórico familiar, saiba que também há indicação de marcar uma consulta com ortopedista frequentemente. E o motivo disso é que algumas condições de saúde podem ocasionar sintomas que vão muito além de cores nas costas.

Uma das doenças que podemos citar aqui é a osteopenia, que é uma condição que consiste na perda da densidade óssea que, se não for tratada de forma correta, poderá evoluir para uma osteoporose. Além disso, mais uma lesão muito comum tratada por essa especialidade médica é a tendinite.

3 – Traumas antigos

Você já sofreu algum trauma, como é o caso de algum deslocamento de membro ou algum osso quebrado? Esse também é um motivo que justifica sua ida ao ortopedista. Afinal, esses sintomas podem voltar a incomodar e ter acompanhamento médico pode contribuir para redução dos incômodos.

Ah, vale dizer que essa dica também vale para acidentes, torções e pancadas que ocorrem no dia a dia. Se você não realizar o tratamento adequado, as mesmas poderão acabar ocasionando uma lesão mais séria e somente o ortopedista poderá avaliar e indicar o tratamento mais indicado, então marque uma consulta quanto antes!

4 – Dores musculares

Por último, se você sofre de dores musculares, as quais podem ser constantes ou surgir muito rapidamente, não deixe de agendar uma consulta. Já adiantamos que as causas podem ser diversas, e você deve passar por uma avaliação para que o melhor tratamento seja definido e os incômodos reduzidos, combinado?

Bom, é isso! Esperamos que você tenha entendido quais são os 4 sinais que justificam a ida ao ortopedista. Caso tenha ficado com alguma dúvida em relação a este assunto, basta comentar aqui que nós esclareceremos.

No mais, se estiver buscando um bom profissional para te atender, não se esqueça que pelo app Sarar você encontrará diversas opções com facilidade, segurança e muita economia! Basta acessar o nosso site para obter mais informações e marcar sua consulta.

Acompanhe nosso blog, e fique por dentro de temas incríveis! Te esperamos por aqui nos próximos posts!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *