fbpx
sintomas intolerância à lactose

4 sintomas de intolerância à lactose

4 sintomas de intolerância à lactose

A intolerância à lactose pode ser muito mais desagradável do que parece. Além dos desconfortos regulares, toda a alimentação precisa ser mudada, ainda que determinada comida seja a sua preferida.

Hoje, separamos um post exclusivo contando tudo sobre este tipo de intolerância e qual é a melhor maneira de lidar com ela.

Confira!

O que é intolerância à lactose e quais são seus principais sintomas?

sintomas da intolerância à lactose
Veja os principais sintomas da intolerância à lactose | Imagem: Pixabay

Podemos considerar, que grande parte das pessoas acreditam que a intolerância à lactose seja uma determinada alergia do leite de vaca ou similares, quando na verdade, se trata de uma deficiência do estômago em digerir o açúcar de alimentos que levam leite.

Seus sintomas principais, são: 

  1. Náuseas: sensação de enjoo e tontura.
  2. Vômitos: no caso da lactose, o vômito pode ser causado pela reação que o alimento gera no estômago, considerando que o mesmo não possui a quantidade correta da enzima lactase.
  3. Diarreia: a lactose também gera o efeito de fermentação no intestino, provocando a diarreia.
  4. Gases e constipação: assim como o sintoma anterior, os gases e as constipações são geradas pela liberação de eletrólitos e também pela fermentação.

No entanto, vale considerar que os sintomas não estão unicamente isolados, uma vez que dores de cabeça, dores musculares, inchaço e até perda de concentração podem compor a intolerância.

Em alguns casos específicos, sintomas como alergia, afta, rinite, sinusite também se destacam durante a crise.

De todos os modos, a consulta de um médico é indispensável. O mesmo te explicará todos os sintomas e indicará o tratamento ideal de acordo com o seu caso.

Como ocorre uma crise de intolerância à lactose?

De modo geral, os sintomas aparecem aproximadamente uma hora após a ingestão do alimento à base de leite. No entanto, cada pessoa reage de uma maneira, uma vez que os organismos possuem atividades distintas.

Pessoas que sofrem com essa condição, não possuem a quantia ideal da enzima lactase, que é responsável pelo processo de digestão dos alimentos dessa categoria.

Assim que os sintomas estiverem totalmente ativos, a pessoa sentirá dores de barriga e muito provavelmente precisará correr ao banheiro. Infelizmente, as dores e incômodos tendem a persistir no corpo até que a lactose seja totalmente eliminada do organismo. 

Se você preferir agilizar este processo de maneira natural, aconselhamos a ingestão de muita água ou de qualquer outro líquido leve, como chá, por exemplo.

O que posso fazer durante uma crise?

Na hora que você chega ao banheiro, já não há muito o que fazer, mas é possível evitar voltar até lá!

Primeiramente, um médico especialista deverá ser consultado para que o seu caso seja acompanhado. É por intermédio de exames que você poderá regrar seu tratamento e encontrar as melhores maneiras de evitar uma nova crise.

Após isso, a sua dieta é o ponto mais primordial. A alimentação representa grande parte de sua melhora, evitando que você tenha novos sustos, dores e incômodos. 

Mas não fique preocupado se você não sabe o que comer, médicos nutricionistas te mostram! Algumas receitas para intolerantes à lactose podem reformular tranquilamente todo o seu cardápio, seu corpo e seu organismo. 

Considerando o fato de que o seu corpo só aliviará a carga com a limpeza de toda a lactose, sugerimos não ingerir da próxima vez!

Conclusão

Agora que você já entendeu mais sobre a intolerância à lactose, com certeza ficará bem mais aliviado em saber que não precisará sentir dor de barriga novamente.

Este post foi útil para você? Então continue acompanhando nossos conteúdos clicando aqui!

Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *