fbpx
triglicerídeos alto

Triglicerídeos alto: quais são os riscos e como controlar?

Triglicerídeos alto: quais são os riscos e como controlar?

Os triglicerídeos trata-se de um tipo de gordura que está presente em nosso sangue e, quando os índices estão muito elevados (acima de 150 ml/dL em jejum), o paciente acaba apresentando o quadro de triglicerídeos alto e as suas chances de desenvolver sérias doenças, como: doenças cardíacas, infarto e/ou AVC aumentam consideravelmente, especialmente quando o colesterol também está elevado.

Mas afinal… Será que há algum jeito de controlar os níveis de triglicerídeos alto no sangue? É sobre isso que iremos falar nesse post. Confira a seguir!

Saiba como controlar os níveis de triglicerídeos alto

Manter os níveis de triglicerídeos estáveis é essencial para a sua saúde. Pensando nisso, separamos algumas dicas que te ajudarão a controlar o triglicerídeos alto e a evitar que seus níveis se elevem. Veja na lista abaixo:

Diminua o consumo de açúcar

O consumo exagerado de açúcar é a principal causa do aumento nos índices do triglicerídeos. Portanto, o ideal é que você evite, sempre que possível, a adição de açúcar refinado nas suas refeições, além do consumo de alimentos como: chocolates, refrigerantes e comidas industrializadas.

Aumente o consumo de fibras

Se o açúcar em excesso é prejudicial para os triglicerídeos alto, o consumo de fibra é um grande aliado para quem deseja reduzir seus índices e/ou evitar que eles subam. E a justificativa disso é porque a fibra auxilia na absorção de gorduras e açúcar através do intestino. Então inclua na sua refeição diária alimentos como: frutas, vegetais e cereais.

Diminua a ingestão de carboidratos

Os carboidratos em excesso também podem ser grandes vilãos e podem fazer com que seus triglicerídeos se elevem. Portanto, dê prioridade à uma dieta low carb (com baixa ingestão de carboidratos) e evite principalmente a ingestão de carboidratos simples, como: pão, arroz ou macarrão.

Faça 30 minutos de atividades físicas diariamente

A prática de atividade física diária vai contribuir não apenas para a melhora da forma física, mas também para a sua saúde. Afinal, você apresentará uma melhora da sua saúde cardiovascular e conseguirá elevar os níveis do colesterol HDL, tal fator que tem relação direta com os triglicerídeos altos.

As atividades mais indicadas para pacientes com triglicerídeos altos são os aeróbicos, como: corrida, caminhada ou pular cordas e o indicado é que seja feito por, pelo menos, 30 minutos por dia.

Alimente-se a cada 3 horas

A alimentação regular auxilia na produção de insulina (hormônio produzido pelos pâncreas que é responsável por transportar açúcar para as células) e esse fator faz com que a açúcar possa ser utilizado e não seja depositado como triglicerídeos no organismo.

Inclua ômega 3 nas suas refeições

O ômega 3 tem relação direta com a boa saúde cardiovascular, além de auxiliar na redução de triglicerídeos alto. Por isso, o ideal é que você faça ao menos duas refeições ricas nessa gordura semanalmente.

São exemplos de alimentos com ômega 3: peixes gordos (atum, salmão ou sardinha), nozes, semente de chia e linhaça.

Bom, esperamos que você tenha conseguido compreender quais são os riscos e quais são as medidas necessárias para controlar triglicerídeos altos. No caso de dúvida referente a este assunto, basta comentar aqui que nós te esclarecemos.

Ah, e se você estiver em busca de um bom médico para te acompanhar, não deixe de conhecer o Sarar. Trata-se de um app seguro e de fácil usabilidade onde os usuários conseguem agendar consultas com descontos de até 70%! Acesse o nosso site e saiba mais.

No mais, te esperamos por aqui em nossos próximos posts para mais dicas de saúde e bem-estar. Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *