fbpx

Qual é a melhor máscara para se proteger do coronavírus?

A pandemia do novo coronavírus pegou todo o mundo de surpresa, e para se proteger da doença é necessário tomar alguns cuidados básicos. Dentre eles, é muito provável que você já saiba que um dos principais é adotar o uso correto da máscara.

Mas… Qual é a melhor máscara para se proteger do coronavírus? Existe variação na efetividade de cada uma delas? É sobre isso que falaremos no post de hoje! Confira abaixo.

Quais são os tipos de máscara disponíveis?

Bom, antes de te dizer qual é mais indicada em cada ocasião, é importante que você saiba primeiro quais são os tipos de máscara disponíveis. Veja a seguir:

  • Máscara de tecido: é aquela produzida artesanalmente em casa ou confecções. Para isso, são utilizados materiais não médicos, como é o caso do tecido, malha ou retalhos. É o tipo de máscara que mais costumamos ver nas ruas, além disso, ela pode ser reutilizada (desde que você saiba fazer a higienização correta da peça);
  • Máscara cirúrgica (descartável): a máscara cirúrgica, popularmente conhecida como máscara descartável, é produzida industrialmente a partir da utilização de materiais específicos e descartáveis, sendo muito utilizada em ambientes hospitalares. Em comparação às máscaras de tecido, a máscara cirúrgica se destaca pelo fato de conseguir filtrar mais partículas que os tecidos comuns e por conter um arame que garante maior adequação no nariz, diminuindo assim as frestas e dando maior proteção.
  • Máscara N95: por fim, essa opção também possui produção industrial e é muito voltada para profissionais de saúde. E o motivo disso é que ela possui melhor proteção contra aerossóis (as menores partículas respiratórias) contribuindo para a não transmissão do vírus.

Qual é a melhor máscara?

tipos de máscara coronavírus
Confira quando usar cada tipo de máscara. | Imagem: Pixabay

Depois de ver a descrição de cada uma delas, é provável que você esteja imaginando que a melhor máscara para proteger do coronavírus seja a N95 devido a sua grande proteção, correto?

Em partes, sim. Essa é de fato a máscara que mais protege da lista. No entanto, mais importante do que adquirir a opção de maior proteção para usá-la diariamente, é essencial que você saiba quais são as ocasiões específicas para cada uma delas:

  • Máscara de tecido: máscaras desse modelo devem ser usadas por todas as pessoas ao saírem de casa, seja para frequentar lugares abertos ou fechados (como é o caso de supermercados, praças, ônibus, etc.);
  • Máscara cirúrgica: ela é muito recomendada para pacientes que estejam com suspeita ou confirmação de sintomas gripais. Afinal, elas oferecem proteção maior do que as máscaras de tecido. Se porventura você tiver contato com pessoas com sintomas de gripe, o ideal é que você também use esse tipo de máscara.
  • Máscara N95: já a máscara N95, considerada a melhor máscara no quesito proteção, não precisa necessariamente ser usada por todo mundo. Até porque é um material mais caro e menos acessível. Entretanto, profissionais de saúde que forem realizar procedimentos cirúrgicos ou que trabalhem em áreas com muita exposição ao vírus devem fazer o uso dessa máscara.

E aí, conseguiu compreender a diferença entre as máscaras para definir qual é a melhor para cada ocasião? Esperamos que sim! Caso tenha ficado com alguma dúvida sobre o assunto, não deixe de comentar aqui que nós te esclarecemos.

No mais, não se esqueça que os cuidados devem ser contínuos para evitar a disseminação do coronavírus. Então sempre que possível higienize bem as suas mãos (com álcool gel e água e sabão) e se for precisar sair de casa, use máscara!

Por fim, se quiser mais dicas e informações de saúde e bem-estar como essa, basta continuar acompanhando o nosso blog. Nos vemos por aqui!